PROTEÇÃO

H1N1: Campanha de vacinação atinge meta

Segundo o balanço do Ministério da Saúde, a meta de vacinação contra a gripe foi atingida, com mais de 80% do público-alvo protegido contra a doença. A campanha nacional terminou ontem em todo o país. Quem ainda não se imunizou deve procurar os postos de saúde para tomar a vacina.

Em Alto Araguaia, 70% dos grupos prioritários foram vacinados. O Superintendente da Atenção Básica de Saúde Demerval Carvalho de Freitas considerou o resultado positivo, pois não houve nenhum caso de Gripe H1N1 no município. “Mesmo vacinado, os cuidados continuam para evitar a doença. Devemos sempre lavar bem as mãos, tossir com lenços na boca, usar sempre álcool em gel, não ficar em ambiente fechado por muito tempo e comparecer em hospitais, somente em casos de urgência”, enfatiza.

O secretário explica que os grupos prioritários são os mais suscetíveis ao agravamento de doenças respiratórias, que tem como seu principal agente o vírus da gripe. Esses grupos são as crianças de seis meses e menores de cinco anos, gestantes, trabalhadores da saúde, mulheres de resguardo com filhos de 45 dias, idosos acima de 60 anos, portadores de doenças crônicas respiratória, cardíaca, renal, hepática, neurológica, diabetes, obesos, pessoas com câncer, transplantados e trissomia. “A vacinação continua na cidade até que todos os grupos sejam atingidos”, garante.

 CASOS DA DOENÇA – De acordo com o Ministério da Saúde, neste ano, até 9 de maio, foram registrados 2.808 casos de influenza de todos os tipos no Brasil. Deste total, 2.375 por influenza A (H1N1), sendo 470 óbitos, com registro de um caso importado (o vírus foi contraído em outro país).

A Região Sudeste concentra o maior número de casos (1.381) influenza A H1N1, sendo 1.209 no estado de São Paulo. Outros estados que registraram casos neste ano foram Rio Grande do Sul (198); Paraná (165); Goiás (153); Santa Catarina (102); Pará (101); Rio de Janeiro (70); Bahia (67); Distrito Federal (63); Minas Gerais (52); Paraíba (12); Alagoas (12); Rio Grande do Norte (11); Mato Grosso (7); Amapá (2); Rondônia (1); Roraima (1); Maranhão (1); Piauí (1) e Sergipe (1).

Com relação ao número de óbitos, São Paulo registrou 223, seguido por Rio Grande do Sul (39); Goiás (26); Paraná (24); Rio de Janeiro (23); Santa Catarina (21); Pará (16); Bahia (15); Minas Gerais (14); Espírito Santo (14); Pernambuco (10); Mato Grosso do Sul (9); Paraíba (8); Ceará (6); Distrito Federal (6); Rio Grande do Norte (5); Mato Grosso (4); Alagoas (2); Amapá (2) e Maranhão (1). Fonte: Ministério da Saúde

Por: Karine Borges

Um pensamento sobre “H1N1: Campanha de vacinação atinge meta

  1. Pingback: Ciclo de palestras oportuniza escrita intensa de textos e notícias | Jornalismo Unemat

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s